segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Mestre Karlinhos deixa a Vila Isabel


Por Israel Ávila 

As indefinições referente a que se diz respeito ao carnaval 2017 deixou as escolas de samba, contratados e direções com os ânimos aflorados, e vem causando uma série de desligamento de contratados das agremiações as vésperas do carnaval. 

Mestre Krlinhos, diretor de bateria da Unidos de Vila Isabel é mais um deles. Conhecido e premiado pelo seu trabalho, o até então líder dos ritmistas da Vila Isabel alega não haver condições de executar o trabalho com a falta de estrutura. Outro motivo seria a quebra contratual referente a pagamentos.

Recentemente Sandro Gravador, que antecedeu Karlinhos na Vila Isabel, também externou em redes sociais problemas com a quitação de seu contrato referente ao carnaval 2016.

Já Mestre Karlinhos limitou-se a dizer que não há como realizar o trabalho, agradecendo a comunidade pela acolhida:

“Agradeço a comunidade e aos ritmistas que se prontificaram a realizar este trabalho comigo, mas infelizmente não há como realizar um trabalho sem estrutura mínima para uma bateria...” – exclama o mestre.

Krlinhos estreou como mestre a frente da Bateria Cadência do Morro, na Academia de Samba Puro, no carnaval 2015 sendo o único do quesito a tirar todas as notas máximas no seu grupo, e premiado pela crítica e pelos prêmios oficiais do carnaval de Porto Alegre. Chegou a se desligar na escola em 2015, mas voltou meses depois para executar o trabalho com os ritmistas do Morro para 2016. Logo após, retirou-se definitivamente da bateria da Samba Puro e assumiu o trabalho na Unidos de Vila Isabel para o carnaval 2017.