sábado, 1 de outubro de 2016

Novo reforço para Imperadores do Samba


Por Leandro Amarante 

Uma das maiores pretensões de todo personagem da folia certamente é a defesa de agremiações cuja história e tradições são fortemente mantidas e onde apoio grandioso de uma comunidade vibrante e presente é regra.

Hoje o Setor 1 trás até você mais uma figura que fez a “lição de casa”, e que a partir de agora poderá desfrutar destes momentos junto a escola do povo.

O mar vermelho e branco recebe o músico Evandro Henrique da Silva, mais conhecido como Wandynho. Ele fará parte do grande time da harmonia musical ao lado de Viny Machado e demais estrelas que conduzem os microfones da vermelho e branco.

Wandynho já faz parte da comunidade carnavalesca há 11 anos.

O artista de 32 anos começou escrevendo sua história no ano de 2005 na escola de samba Imperatriz Leopoldense, na cidade de São Leopoldo. De lá para cá acumulou passagem pelas escolas de samba hamburguense Protegidos da Princesa Isabel e Império da São Jorge, e na escola de samba Acadêmicos do Rio Branco (São Leopoldo), atuando como base vocal para grandes carnavais.

Fruto de um incansável trabalho, nos anos seguintes o músico foi convidado pela escola de samba Portela do Sul a empunhar o microfone número um. Na capital, Wandynho atuou no carro de som ao lado de grandes intérpretes nas escolas de samba União da Vila do IAPI e Acadêmicos de Gravataí. No carnaval, ele é apadrinhado pelo canário Renan Ludwig.


Ainda na vertente musical, Wandynho é integrante do grupo de pagode da região metropolitana chamado S.O.S.

Em conversa com o site, o músico deixa um breve recado à comunidade de Imperadores do Samba:

“Vocês podem esperar de mim uma pessoa muito profissional que ama o que faz e que sabe dar valor as oportunidades e o mais importante, veste a camisa!
Aproveito a oportunidade para agradecer a Viny Machado pelo convite e pela confiança no meu trabalho, e dizer a todos os Imperadores que estou muito feliz de estar na escola do povo... Este é um sonho sendo realizado!” (Wandynho, via telefone)

Em breve, poderemos acompanhar o trabalho do artista nas apresentações e ensaios da vermelho e branco da Padre Cacique.

Imagens: arquivo pessoal