quinta-feira, 4 de agosto de 2016

Praiana Lança festival de Samba enredo


S.R.B.C. ACADEMIA DE SAMBA PRAIANA
Regulamento do Festival de Samba Enredo 2017

Este regulamento tem como objetivo expor as normas que deverão ser seguidas por todos os compositores filiados ou não à Academia de Samba Praiana, que estarão concorrendo às eliminatórias de Samba Enredo para o Carnaval de 2017.

INSCRIÇÃO (Gratuita):

Artigo 1° – O período de inscrição será de 23 de julho a 30 de agosto de 2016 e da entrega do material físico 01 à 10 de setembro de 2016.

Artigo 2° – Na inscrição on line ( por e-mail), os concorrentes deverão enviar:  
a)      Ficha de inscrição devidamente assinada e preenchida em formulário próprio, criada pelo Departamento de Carnaval e fornecida pelo Departamento de Marketing da aceitação dos termos do regulamento que rege o festival.
b)      Tratando-se de composição em co-autoria, os compositores deverão designar, na ficha de inscrição, aquele que será o representante dos demais junto ao departamento de Carnaval, podendo ainda receber e dar quitação de valores que vierem a fazer jus.

Artigo 2° – Os compositores de Porto Alegre e Região Metropolitana fazer a inscrição por e-mail, porém, como todos os demais: entregar e apresentar suas obras gravadas em CD e 05 (cinco) cópias impressas da letra, até as 22 horas do dia 10 de setembro.

Artigo 3° - As inscrições para os compositores de Porto Alegre, Região Metropolitana e outras localidades deverão solicitar o kit com a ficha de inscrição, o regulamento e o release do Tema Enredo, que serão disponibilizados por e-mail: festivasambapraiana@gmail.com. Os compositores devem preencher a ficha de inscrição, anexar letra e áudio com voz e play-back em MP3, wave ou link para download (disponível sem senhas).

Artigo 4° – A diretoria reserva-se o direito de aceitar a inscrição, ou não, de qualquer samba entregue até a data pré-fixada no dia 10 de setembro de 2016 até as 22 horas. Podendo ainda devolver ou desclassificar qualquer samba inscrito, não cabendo recurso em hipótese alguma, nos casos dos sambas inscritos via site da escola (fora de Porto Alegre e Região Metropolitana). As entregas de material físico deverão ocorrer a partir do dia 01 até 10 de setembro, para todos os materiais  CD e cópias de letras.

Artigo 5° – Os sambas inscritos terão apreciação prévia a ser feita pelo Departamento de Carnaval, Diretoria de Harmonia Musical e Diretoria de Bateria da qual serão selecionados os que participarão do festival.

JULGAMENTO:
Artigo 6° – O Departamento de Carnaval organizará o Corpo de Jurados para o festival cuja avaliação será através de planilha julgada com os seguintes critérios:

NOTAS: De 05(cinco) a 10 (dez) para os quesitos relacionados na planilha dos jurados.

LETRA: Não deverá ser julgada como obra literária, devendo ser observados a clareza, a objetividade e adequação ao tema de enredo.

MÚSICA: Interpretação musical, divisão rítmica, criatividade, originalidade (melodia inédita) com cuidados com plágio de sambas anteriores.

COMUNICAÇÃO: O samba deve estabelecer comunicação com o público pela alegria, participação e empolgação, facilitando o canto e a manutenção da cadência da Bateria.

APRESENTAÇÃO:

Artigo 7° – A ordem de apresentação das músicas selecionadas será estabelecida por sorteio a ser realizado pelo Departamento de Carnaval e comunicado previamente aos concorrentes.

Artigo 8° – A ordem de apresentação deverá ser obedecida, sob pena de desclassificação sumária daquele que a descumprir.

Artigo 9° – O acompanhamento rítmico será feito pela Mini-Bateria da Escola.

Artigo 10° – O Intérprete e o acompanhamento harmônico (cavaco e violão) ficarão a cargo de cada concorrente.

Artigo 11° – Cada música concorrente deverá ser executada no máximo 4 (quatro) vezes sendo as 2 (duas) primeiras somente com o acompanhamento harmônico e as 2 (duas) últimas com o auxílio da Mini-Bateria.

Artigo 12° – Serão disponibilizados pela Escola o equipamento de som para, no máximo, 04 (quatro) vozes e 03 (três) instrumentos de cordas.

Artigo 13° – A equalização do som de cada samba a ser apresentado não poderá ultrapassar os 10 (dez) minutos.

Parágrafo Único: Ultrapassados os 10 (dez) minutos da equalização do som e desde que a origem do atraso não seja determinada por um problema comprovadamente técnico, a marcação iniciará e, caso o concorrente não inicie a sua apresentação, seu samba será automaticamente desclassificado.

 Artigo 14° – O horário de cada apresentação deverá ser observado pelos participantes, sendo que a Coordenação de palco, designada pelo Departamento de Carnaval, ficará incumbida de sinalizar o início e o término da mesma.

Artigo 15° – Caso o compositor de fora da capital ou da região metropolitana, não tiver condições de defender a sua obra na eliminatória ou final, deverá informar já na ficha de inscrição essa impossibilidade, pois, uma vez selecionada a música, a escola disponibilizará uma equipe mínima de músicos e intérpretes para a apresentação da mesma. 

PREMIAÇÃO:

Artigo16° – O primeiro colocado terá direito a uma premiação única de R$ a definir em breve publicação.

Artigo 17° - Todos os casos omissos e não previstos pelo presente regulamento serão resolvidos pelo Departamento de Carnaval da S.R.B.C.Academia de Samba Praiana.

                                                              Porto Alegre, 01 de agosto de 2016.

ILZA ANGONESE
Presidente

LUIZ FELIPE M.VIEIRA
Direção Geral de Carnaval

SILFARNEI ALVES
Diretor de Harmonia Musical

Lembrando: Inscrições:

Data de inscrição: 23/07 á 30 de agosto de 2016.
Solicitar por email: festivalsambapraiana@gmail.com
Maiores informações: 51 85164155 c/ Silfarnei
Entrega do Material:
De 01 a 10 de setembro de 2016.