domingo, 24 de julho de 2016

Definido o primeiro casal da Copacabana


Costuma-se se dizer que grandes estreias vêm acompanhadas de grandes surpresas e emoções...

Para a defesa da culinária brasileira em estilo Nagô as revelações continuam na comunidade da Bom Jesus.

Em primeira mão, este veículo de comunicação teve acesso às novas contratações da casa que defenderão o 1º pavilhão no carnaval 2017.

Carlos Gabriel e Francine Silva foram anunciados pela diretoria como o 1º casal de Mestre-sala e porta-bandeira da Sereia porto alegrense.

O intenso trabalho da direção de carnaval da entidade vem se tornando notório, e o processo de inovação visando sempre o título para a entidade tem recebido resposta positiva de toda a comunidade da Bonja. Esta vem sendo apresentada como outra grandiosa aposta de Emerson Waner, haja vista as primeiras oportunidades na condução dos pavilhões no 1º posto da escola (porta estandarte e agora o primeiro casal).

O jovem mestre sala, de apenas 18 anos, já possui quase uma década de dedicação aos trabalhos desenvolvidos nas festas de momo.

Iniciou desfilando na tricolor Estado Maior da Restinga como passista mirim. Em contrapartida a dedicação e belo riscado do destaque, Gabrielzinho, como é conhecido pela comunidade carnavalesca, começa a atuar pela agremiação no posto de mestre sala, onde, permaneceu na defesa e reverência ao 2º pavilhão por 3 anos. Defendeu ainda o segundo pavilhão da Academia de Samba Praiana em brilhante carnaval.

De certa forma podemos dizer que a filha está retornando aos braços e encantos da Sereia... A desenvoltura e carisma da destaque Francine Silva nos brindam com grandes contribuições entre as linhas amarelas por oito anos.

Iniciou sua trajetória como Porta bandeira no ano de 2009 pela entidade carnavalesca Esporte Dá Samba, onde permaneceu por um ano. Na tricolor da Zona Sul Estado Maior da Restinga realizou apresentações, sob supervisão do destaque Chula, no bailado do Cisne (anos 2011 e 2012). Em 2013 passou por Império da Zona Norte, indo no ano seguinte para a Copacabana. No carnaval 2015 bailou por Acadêmicos de Gravataí. No último carnaval a elegância dos movimentos foram notados quando das apresentações da Academia de Samba Praiana, onde desfilou ao lado de seu beija-flor Gabrielzinho.

Ela possui duas premiações: Troféu Setor 1 no ano de 2014 e recentemente premiada com o troféu TamuJunto, 2016.


O entrosamento, leveza e belas apresentações ao longo destes anos os fazem referência no quesito dança. Ambos são oriundos do consagrado projeto Bailado destinado a formação e aperfeiçoamento de destaques.