quinta-feira, 24 de março de 2016

Carlinhos: o Presidente do Samba!


Carlinhos Presidente é conhecido pela irreverência nas letras de seus sambas que divertem o público e satirizam o cotidiano. Esta característica marcante das composições, leva o público a atribuir traços do estilo de Bezerra da Silva no trabalho de Presidente.

Presente na maioria das composições do sambista, a irreverência dá lugar a um outro lado do compositor em seu novo trabalho, a música “A Luz Desse Olhar”, que faz parte do EP de mesmo nome. Neste samba romântico o artista fala de amor de uma forma natural, sem vulgaridade, e busca surpreender o público.


O álbum também traz composições com o estilo característico do músico, como “Só Tem Traíra”, uma gíria muito usada no meio do futebol (Carlinhos Presidente é ex-jogador do Grêmio). O clipe desta música tem mais de 100 mil visualizações na internet. Outra faixa é “Onde Está a Honestidade?”, samba de Noel Rosa que, mesmo datado de 1933, se mantém atual em tempos de escândalos políticos, tendo sido gravado também por Beth Carvalho, Paula Toller e Aracy de Almeida.

O CD é produzido por Fabio Canalli e Misael da Hora. Filho do conceituado compositor e produtor Rildo Hora, Misael trabalhou com João Nogueira, Danilo Caymmi, Dudu Nobre, entre outros.

Além do CD, as músicas de Carlinhos Presidente estão disponíveis nas plataformas digitais da Sony Music, gravadora da qual é compositor exclusivo, bem como no site Kboing (wwww.kboing.com.br). Desde de 12 de maio, as composições estão na  iTunes Store. A agenda inclui lançamento do clipe da música “A Luz Desse Olhar” e turnê para lançamento do CD com apresentações no Rio de Janeiro, São Paulo e Porto Alegre.


Sobre o artista:


Nascido em Porto Alegre, Carlinhos Presidente morou no Rio de Janeiro, a identificação com o samba carioca e a receptividade da população fluminense o tornou “cariúcho”.  No RJ, tocou em diversas casas de shows. Se apresentou para cerca de 2 mil pessoas no tradicional evento “Samba do Trabalhador”. Seu trabalho foi bem recebido na Rádio Nacional e tocou no programa Samba de Raiz da Roquete Pinto, do Rio de Janeiro. Durante esta passagem pela Cidade Maravilhosa, fez amizades que deram aval a sua carreira. Uma delas é Almir Guineto, a quem chama carinhosamente de padrinho.


De volta à Porto Alegre, teve agenda em teatros, casas de espetáculo, bares e participações em programas de rádio e TV. Neste retorno, torna-se amigo de Tonho Crocco (Ultramen). O músico abre as portas da cena gaúcha para Presidente. Desta amizade surgem novas parcerias e convites para eventos. A acolhida de Tonho Crocco faz com que ele se torne efetivamente padrinho artístico do sambista.

Apaixonado pelo samba, o artista descreve essa relação: “Quando estou no palco é um momento sublime, lá me sinto em casa, amo o que faço. Para mim, cantar samba é como fazer um gol da vitória numa final de Copa do Mundo aos 45 do segundo tempo”. E finaliza, “sou sambista, sou poeta que canta a vida”.

Acompanhe Carlinhos Presidente nas redes: