domingo, 29 de novembro de 2015

São Leopoldo celebra Dia Nacional do Samba

Foto: reprodução/web
  
A célebre frase “(...) Antes de me despedir, deixo ao sambista mais novo, o meu pedido final... Não deixa o samba morrer (...)” entoada pela voz da grande cantora Marrom está sendo mantida a rigor na região do Vale dos Sinos.
                                                                               
Da ação conjunta de parceiros amantes dessa nobre arte e de membros do governo municipal viu-se que esta data não poderia passar em vão como tantas outras que já pertenceram ao calendário cultural da cidade. A data fixada para o evento é a próxima quarta-feira (02), dia em que nacionalmente é comemorado o dia do samba. O evento terá cunho beneficente, e toda arrecadação será destinada a instituições e programas de caridade ainda não divulgadas.

Em contato com o Dr. Marcus Vinicius Netto, um dos proponentes do projeto 2015, ele esclarece em pormenores o desenrolar do evento, acompanhe a seguir:

Dois de dezembro é o Dia Nacional do Samba. É o dia dedicado ao estilo mais representativo da música brasileira.

A data tem origem em uma iniciativa de um vereador baiano que lançou a homenagem, em 1940, utilizando o dia em que, pela primeira vez, Ary Barroso visitou a cidade de Salvador.

Hoje a data é reconhecida em todo o Brasil.

Por isso, aqui em São Leopoldo, alguns amantes do samba decidiram, também, homenagear esse estilo musical e prepararam um show que será apresentado no próximo dia 2 de dezembro, às 21 horas, no Teatro Municipal, anexo à Biblioteca Pública. O show terá duração de 1 hora e 45 minutos e o grupo, que contará com músicos profissionais e amadores, fará um passeio por sambas do passado e do presente com direito a apresentação de bailarinos e show de sambistas da cidade e de Porto Alegre. O espetáculo é inédito e o grupo pretende marcar a data e repetir o evento nos próximos anos.

Tudinho (violão sete cordas), Darian (Clarinete), Moura (percussão), Luiz Carlos Rosa (pandeiro), João Carlos da Rosa (repique), Marcus Vinicius (violão) e Rafael (cavaquinho) formam o grupo base. Nego Izolino fará apresentação especial assim como Luiz Palmeira e Marilia Benites. Os bailarinos Mauro Schneider e Juliana Bernardes acompanham o grupo. A locução será de André Mesquita.

Para quem gosta de samba e para quem quer aprender a gostar, é uma bela oportunidade.

O ingresso é 1 kg de alimento não perecível. Público a partir de 12 anos. Será permitido o ingresso de crianças de colo.

O evento tem coordenação do Dr. Marcus Vinicius e da Sra. Melissa Goulart - Diretora de Integração Social do município.

O Setor 1 apoia e parabeniza os idealizadores deste projeto, desejando que haja reconhecimento do mesmo, e que passe a tornar-se rotina das atividades culturais do município. O samba é raiz e liga as pessoas!

A ancestralidade através do samba... Guiados pela essência do grandioso Ary Barroso, só posso dizer que vai dar samba!


SERVIÇO

O QUE: Alusão ao Dia Nacional do Samba
DATA: 02 de Dezembro de 2015
HORÁRIO: 21 HORAS (duração do evento 1 hora e 45 minutos)
LOCAL: Teatro Municipal de São Leopoldo (Rua Osvaldo Aranha, 1012 – Centro/SL)
INGRESSO: 1 kg de alimento não-perecível
CLASSIFICAÇÃO: 12 anos