quinta-feira, 13 de agosto de 2015

Tema, festival, destaques e o novo casal da Leopoldina


A Imperatriz Dona Leopoldina esta trabalhando a todo vapor em busca de uma boa colocação, não obtida nos últimos dois anos, no carnaval 2016. A entidade já divulgou seu tema: “Espelho de Pai para Filho, a Imperatriz Canta Diogo para João”, sobre as vidas e obras dos cantores Diogo e João Nogueira.

Outra novidade apresentada pela escola é o festival de samba enredo, uma vez que nos últimos anos a escola sempre tem trabalhado com obras encomendadas.

Sinopse e demais informações podem ser solicitadas pelo e-mail imperatrizdleopoldina@gmail.com . As obras devem ser entregues até o próximo dia 25 de Agosto e a premiação para o festival será de R$ 5.000,00 (cinco mil reais).

A nova porta estandarte é Marina Leite que chega para ocupar o lugar de Izaura Mello que está grávida. Marina teve longa passagem pelo Império da Zona Norte onde também empunhou o primeiro estandarte dos Leões da Sertório.

Quem também já bailou pela casa nova no Baile da Udesca foi João Manuel e Alexia Lee que chegam a Laranja para empunhar a terceira bandeira.

O novo casal de mestre sala e porta bandeira


Embora não seja confirmado pela escola, a primeira bandeira da Imperatriz será conduzido por Gustavo Tiriri e Nanny Rodrigues.

Tiriri dispensa apresentações. Os primeiros riscados como mestre sala foi em 1996 quando defendeu o 2º pavilhão do Imperadores do Samba. Em 1998 recebeu sua primeira oportunidade como primeiro, e foi o mestre sala oficial da Protegidos da princesa Isabel. Em 1999 foi o beija flor da Academia de Samba Praiana, passando ainda por Restinga, Bambas da Orgia, Imperatriz Dona Leopoldina e União da Vila do IAPI.

Já a jovem porta bandeira Nanny tem passagens por Bambas da Orgia, Imperadores do Samba, Acadêmicos de Niterói e Realeza e chega como uma aposta na Imperatriz para fazer par ao lado de Tiriri, que retorna a entidade.