sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

Batido o martelo: São Leopoldo não terá carnaval em 2015

Carnavalescos se mobilizaram de diversas formas para tentar garantir o direito a sua cultura

De nada adiantou a reunião de hoje pela manhã com o prefeito de São Leopoldo Aníbal Moacir da Silva (PSDB). A autoridade máxima das terras capilés entende não ser importante a realização do carnaval da cidade, aliás, não compareceu a reunião, que foi realizada por chefes do gabinete.


Estiveram reunidos hoje representantes da associação das entidades carnavalescas do município, bem como o conselho de presidentes das escolas de samba de lá, que ouviram dos representantes do poder publico que o município não tem verbas para investir na festa. Os cachês seriam viabilizados, mas a estrutura não seria garantida pela prefeitura e teria de ser de responsabilidade das escolas de samba.

Associação cancela o carnaval

Por meio de um telefone a Associação das entidades carnavalescas informa que da forma que a prefeitura esta tratando a cultura popular e os carnavalescos tornou-se inviável a realização da festa. A escolha da rainha marcada para amanha será cancelada, assim como todos os demais eventos marcados para os próximos meses.

Escolas realizaram carnaval comunitário

As escolas realizarão muambas comunitárias para mobilizar a comunidade carnavalesca em uma ultima tentativa de chamar atenção do poder publico. A primeira será domingo, no bairro Feitoria, realizada pela Imperatriz Leopoldense. Todos os presidentes e integrantes das demais entidades serão convidados a comparecer.

Caso não haja de fato o carnaval, o que tem 99% de chances de acontecer, as entidades farão um carnaval comunitário, desfilando a tristeza de viver em uma terra que não valoriza a cultura popular. Uma pena...