segunda-feira, 11 de agosto de 2014

Claudio Brito é homenageado em grande evento

Vinicius Brito recebe homenagem pelo pai, o Jornalista Claudio Brito - Foto Marcelo O'Reilly

Por Waltinho Honorato

Rio - A quinta edição do Troféu Gato de Prata que aconteceu no dia 29 de julho, no Teatro Rival, no Centro do Rio de Janeiro, foi um sucesso. Casa mais que lotada e com a presença do mundo do samba carioca de outras cidades como São Paulo, Porto Alegre, Campos – RJ e Vitória – ES. Além a mídia especializada.

O diretor de Carnaval da LIESA, Elmo José dos Santos, em uma entrevista qualificou a premiação do Troféu Gato de Prata, como “uma festa de sambista para sambista” e nesta 5º edição, foi o que se viu contemplados e suas respectivas escolas em grandiosas apresentações que levaram o público que lotou o octogenário Teatro Rival,  a loucura e participando o tempo todo.

Para quem conhece o centro do Rio Janeiro, mais especificamente a Cinelândia, só para situar o Teatro Rival, fica na Rua Álvaro Alvim, próximo ao tradicional bar Amarelinho, não preciso dizer que antes da abertura da casa, os bares do entrono já estavam cheios numa harmoniosa mistura de senhores e senhoras das velhas-guardas, passistas, ritmista interpretes e dirigentes, fazendo um aquecimento para festa que logo iria começar.

A abertura da festa foi do veterano mas em forma, Grupo Nosso Samba, logo a seguir o anfitrião da festa Tico do Gato deu o ar da graça, e com seu vozeirão brindou o público com sambas e pagodes clássicos, conseguindo uma interação que já mostrava como seria a noite.

Comitiva Gaúcha no Gato de Prata, Vinícius Brito e namorada, Simone e Waltinho Honorato, Zeca Swinguinho, Ivana e Rogério Acioli - Foto Marcelo O'Reilly

A premiação teve início com os Homenagens Especiais, destacando o Presidente da LIESA Jorge Castanheira, representado pelo assessor de imprensa da LIESA Vicente Dattoli, o gaúcho Claudio Brito, comentarista, apresentador do Grupo RBS (Rádio Gaúcha e TV RBS) que foi representado pelo seu filho Vinícius Brito, e a Campeã do Carnaval de São Paulo- G.R.E.S. MOCIDADE ALEGRE. Mas o carnaval de Porto Alegre, além de Vinícius, contou com a presença de outros gaúchos, Rogério Acioli, Ivana Acioli, o carnavalesco e compositor Zeca Swinguinho e os cariúchos Simone Honorato e Erich Otto.

A festa seguiu com as apresentações das escolas do grupo de acesso com destaque para apresentação da Caprichos de Pilares com sua Rainha de Bateria Aline Riscado, bailarina do Domingão do Faustão e a premiadíssima Comissão de Frente comandada pelo bailarino e coreógrafo Hélio Bejani. Só para dar água na boca na sequencia a Bateria do Império Serrano, como sempre inspiradíssima e uma apresentação como se diria em POA, do grupo show completo e com as fantasias do carnaval 2014 a Unidos de Padre Miguel fazendo Jus ao premio de melhor escola do grupo de acesso.

O encerramento com a escolas do grupo especial também não deixaram por menos, apresentando grades shows como o do interprete da União da Ilha Ito Melodia que levou o público ao delírio, com uma homenagem ao seu pai o saudoso puxador Haroldo Melodia, o interprete Pixulé, que fez o Rival tremer com o samba 2014 da Império da Tijuca, A Portela, que levou um grande contingente além do seu vice presidente Marcos Falcon e o interprete Wantuir.


A Imperatriz Leopoldinense, foi responsável por um momento mágico da festa. Quando no palco do Rival, os premiados Phelipe Lemos (Troféu Gato de Prata de melhor mestre-sala) e Rafaela Teodoro (Troféu Gato de Prata de melhor porta-bandeira) estiveram lado a lado com o mítico casal que por muitos anos defendeu o mesmo pavilhão que eles defendem hoje, Maria Helena (Troféu Gato de Prata de Personalidade do Carnaval) e seu filho o ex mestre sala Chiquinho. A Imperatriz ainda ganhou os troféus de Melhor Destaque para Simone Drumond e homenagem especial para o presidente Luiz Pacheco Drumond.

O Show de encerramento da festa, foi com a Acadêmicos do Salgueiro, que levou os seguinte prêmio:
Melhor Ala de Passistas Feminino: Salgueiro – Carlinhos Coreógrafo
Melhor Bateria: Salgueiro – Mestre Marcão
Melhor Rainha de Bateria: Viviane Araújo – Salgueiro
Melhor Samba-Enredo: Salgueiro GAIA - A VIDA EM NOSSAS MÃOS -Autor(es): Xande de Pilares, Dudu Botelho, Miudinho, Betinho de Pilares, Rodrigo Raposo e Jassa

O show do salgueiro contou além da ala completa de passistas comandadas por Carlinhos Coreógrafo, com os seus interpretes oficiais Serginho do Porto, Leonardo Bessa e Xandi de Pilares.

Mas para quem pensa que a festa teve o seu final na apresentação do samba de 2014 do Salgueiro, se engana pois os bares próximos ao Rival, que falamos no início dessa matéria permaneceram cheios até 3 horas da madruga com os sambista meio que se despedindo do carnaval 2014, e entre eles o mais anima era Xande de Pilares, que atendia a todos não como um pop star que hoje ele é mas com um sambista como ele sempre foi. Parabéns ao Tico do Gato idealizador do prêmio, a Lucia Mello e toda equipe. Obrigo ao amigo e parceiro Tico do Gato, pelo convite para  coordenar essa festa que mais uma vez “Foi de Sambista Para Sambista”