terça-feira, 1 de julho de 2014

Apito de Ouro fora do carnaval de Porto Alegre

Em 2015 a escola de Tapes não cruzará o Porto Seco - Foto Fábio Cruz/Setor 1

A escola de samba Apito de Ouro, de Tapes, que integrava o Grupo de Acesso da Capital, não mais desfilará no carnaval de Porto Alegre. O comunicado foi feito ao Setor 1 pelo próprio presidente da entidade, Sr. Marco Antônio Pilger, o Marcão.

No e-mail que nos foi enviado, o dirigente diz ter se desligado da AECEPARS e justifica a retirada como “impossibilidade logística para continuar.” No e-mail, o presidente também agradece a disponibilidade e atenção do Setor 1 para com a entidade durante este período. Com isso, aparentemente, abre-se uma vaga no Grupo de Acesso da capital, além da licenciada que já entraria (isso acordado na época do carnaval).


 Como ainda não há definição sobre o que acontecerá com a gestão da UECGAPA e qual será o papel da AECPARS no processo do carnaval, não podemos dar uma posição de qual escola assumirá a vaga, se isto ocorrer. Em principio, os Grupos de Porto Alegre continuam da seguinte forma (as escolas aparecem em ordem alfabética:

GRUPO ESPECIAL

1 - Acadêmicos de Gravataí
2 - Bambas da Orgia
3 – Copacabana
4 - Embaixadores do Ritmo
5 - Estado Maior da Restinga
6 - Imperadores do Samba
7 - Imperatriz Dona Leopoldina
8 - Império da Zona Norte
9 - União da Vila do IAPI
10 - Unidos de Vila Isabel

GRUPO INTERMEDIÁRIO A

 1 - Academia de Samba Praiana
2 - Academia de Samba Puro
3 - Imperatriz Leopoldense
4 - Império do Sol
5 – Realeza
6 - Unidos do Capão
7 - Unidos do Guajuviras

GRUPO DE ACESSO

1 - Acadêmicos da Orgia
2 - Acadêmicos de Niterói
3 - Apito de Ouro (Que pediu afastamento)
4 - Escola da Glória
5 - Protegidos da Princesa Isabel
6 - Unidos da Vila Mapa
7 - (retorno de uma licenciada)