terça-feira, 24 de junho de 2014

Rodrigo Quadros: O sonho de um canário...

É ótimo conhecer historias de pessoas que tem como meta na vida VENCER. Contos de músicos cantores e artistas que lutam pelo espaço e pela valorização de seu talento e de sua arte. Hoje vamos contar a historia de um canário que nasceu com a missão de encantar as pessoas com sua voz e claro, voar... voar bem alto como todo e qualquer pássaro.
Nosso personagem principal é Rodrigo Quadros natural de Porto Alegre e tem uma grande paixão: a música! Quando o cantor tinha apenas 7 anos de idade ganhou um disco da banda Raça Negra de seu padrasto. Desde então começou a escutar diariamente o samba, gostando cada vez mais, crescendo com o sonho de ser um grande musico. Aos 16 anos Rodrigo já tinha seus instrumentos preferidos e deles já tirava um som: o pandeiro e o tantã.

Por mais satisfatória que fosse tocar, ele mesmo viu que algo estava errado, e que realmente queria algo de mais valor dentro da musica brasileira. Dois anos se passaram e Rodrigo iniciou oficialmente sua careira musical, juntamente a grupos de pagode do Sul do Brasil. Já no ano seguinte 2001,
  organizou um novo projeto unido ritmistas de suas antigas bandas. O grupo durou 7 anos, fazendo shows por diversos bares e casas noturnas.
 No ano de 2008, problemas internos fizeram com que  o grupo se afastasse. Dali Rodrigo ficou sozinho, sem cantar... Mas sonho é sonho e como diz o poeta: ...o show tem que continuar. Depois de algum tempo fora dos palcos, procurando um novo espaço no cenário musical, Rodrigo resolve seguir carreira solo. Em 2010 nasce um novo projeto, onde tudo começava a fazer sentido. Estando bem conhecido, Quadros se apresentou em diversos estados brasileiros como: São Paulo, Minas Gerais, Santa Catarina e em várias casas noturnas do Rio Grande do Sul.

Com muito vigor no seu trabalho dentro da musica, no inicio do mês de Maio o musico gravou em São Paulo com renomados músicos do pagode sua nova musica de trabalho que se chamava “Definitivamente”. A produção foi de Juninho Percussão, direção harmônica de Michel Fujiwara e direção vocal de Luiz Menino. Hoje Rodrigo tem diversas influencias da Black Music R&B Americana e de seu ídolo, Alexandre Pires.
A música cura e satisfaz almas perdidas e nasce no coração de quem a professa. Cantar rompe as barreiras do “abrir a boca” e virá um abre coração... abre alma e acima de tudo abre os caminhos para sentimentos como o amor e a felicidade. Historias como a de Rodrigo Quadros fazem perceber que sonhos sempre são realizados na vida de quem se permite sonhar. E como disse no inicio do texto, esta foi a historia do canário que se permitiu voar... Você tem um sonho? Permita-se também... 
Vídeo Clipe (Oficial) - Toco Terror : http://www.youtube.com/watch?v=7y-Sm1qNrLE
Link - (Definitivamente)  : http://www.youtube.com/watch?v=Rf4gffnbm98